Acessibilidade

Denúncias de locais com acúmulo de água limpa e parada

portable_wifi_offon-line lock Anônimo

1. O que é o serviço?

Avaliação do risco relacionado à manutenção de condições que propiciem a proliferação do inseto, orientações preventivas e adoção de medidas adminstrativas se for necessário.

2. Quando solicitar?

Sempre que for necessário denunciar um local que represente potencial criadouro para o mosquito (Aedes Aegypti) transmissor da Dengue/Febre Chicungunya e do Vírus Zika.

3. Canais de atendimento para solicitar o serviço

- Aplicativo SP156

- Portal de Atendimento SP156

- Central SP156

- Praças de Atendimento das Subprefeituras

- Praça de Atendimento da Coordenação de Vigilância em Saúde (COVISA): Rua Santa Isabel, 181 - Vila Buarque (Horário de atendimento: 2ª a 6ª feira, das 9:00 as 16:00 horas).

4. Legislação/Norma que regula o serviço

Código Sanitário Municipal (Lei Municipal Nº 13.725, de 9 de janeiro de 2004)

Lei nº 16.273 de 02/10/2015.

5. Taxas cobradas ou indicativo de gratuidade

Gratuito.

6. Prazo para a prestação do serviço

30 dias.

7. Principais etapas do Serviço - Passo a Passo

O denunciante deverá utilizar um dos canais para registrar sua denúncia.  A equipe responsável realizará a avaliação do risco relacionado à manutenção de condições que propiciem a proliferação do inseto, fornecerá orientações preventivas e adotará medidas adminstrativas se for necessário.

8. Outras informações

Durante os períodos críticos ou de epidemia, a denúncia de locais com acúmulo de água limpa e parada orienta o trabalho das SUVIS (Supervisões de Vigilância em Saúde), mas não define o plano de trabalho. Nessas situações, o trabalho de vistoria e eliminação dos focos do mosquito prioriza os locais onde há maior quantidade de registros da população infectada.

Para outras informações sobre dengue, clique aqui.

Descomplica São Miguel Paulista
Converse com atendente