Brasão da cidade de São Paulo a esquerda e com os dizeres Cidade de São Paulo a direita
A palavra SP156 em um quadrado de fundo amarelo a direita e Portal de Atendimento prefeitura de São Paulo a esquerda A palavra SP156 em um quadrado de fundo amarelo a direita e Portal de Atendimento prefeitura de São Paulo a esquerda
Portal de Atendimento
Prefeitura de São Paulo

Informações sobre Vacinação contra COVID-19

 

Atenção: A vacina é a única forma de combater a ação do vírus, minimizar casos graves da doença e impedir mortes. Mesmo assim, continua sendo necessário o uso contínuo e correto das máscaras de proteção, a higienização constante das mãos e as medidas de distanciamento. Evitar aglomerações diminui a circulação do vírus. Faça a sua parte!

 

O QUE É
É a vacinação contra a COVID-19 para públicos específicos, conforme o plano de vacinação da cidade de São Paulo.

QUANDO SOLICITAR
Quando o plano de vacinação estiver na etapa direcionada ao seu perfil.
Atualmente, a vacinação inclui somente os perfis descritos abaixo. 

PÚBLICO-ALVO
Grupos atendidos pela vacinação:
 •Pessoas com 60 anos ou mais, residentes em instituições de longa permanência (institucionalizadas);
• Pessoas a partir de 18 anos de idade portadoras de deficiência, residentes em Residências Inclusivas (institucionalizadas);
• População indígena vivendo em terras indígenas;
• Quilombolas;
• Idosos com mais de 63 anos - a partir de 29/04/2021;
*Idosos acamados: a vacinação para pessoas idosas acamadas, ou com alguma limitação que dificulte o deslocamento até o serviço de saúde, já ocorre nas UBSs, mesmo nas unidades que não possuem o Programa de Saúde da Família. O responsável pode fazer contato presencial ou por telefone com a UBS de sua referência para solicitar o atendimento.
• Pessoas em situação de rua com mais de 60 anos (a partir de 29/03, será feita a vacinação de todas as pessoas em situação de rua cadastradas nos centros de acolhida);
 Profissionais dos serviços públicos das Secretarias Municipais de Assistência e Desenvolvimento Social - SMADS e de Direitos Humanos de Cidadania - SMDHC);
• Trabalhadores(as) dos cemitérios públicos e privados do município de São Paulo.
• Profissionais de saúde com mais de 47 anos (veja as categorias abaixo);
• Profissionais de saúde com mais de 18 anos que sejam gestantes, puérperas e lactantes (veja as categorias abaixo):
    - Médicos, Enfermeiros/técnicos e auxiliares, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Terapeutas ocupacionais, Biólogos, Biomédicos/Técnicos de Laboratório que façam coleta de RT PCR SARS CoV2 e análise de amostra de COVID-19, Farmacêuticos, Odontólogos, Fonoaudiólogos, Psicólogos, Assistentes sociais, Profissionais da educação física, médicos veterinários.

REQUISITOS, DOCUMENTOS E INFORMAÇÕES
Documentos necessários:
- Cartão SUS;
- CPF;
- RG.
Profissionais de saúde devem apresentar:
- Documento de Conselho de Classe ou Comprovante de profissão (certificado ou diploma);
- Comprovante de Residência da Cidade de São Paulo.
Profissionais dos cemitérios públicos e privados do município de São Paulo devem apresentar:
- Documento de identificação com CPF;
- Declaração da empresa, atestando as atividades exercidas na cidade de São Paulo, nos setores elegíveis.
Profissionais dos serviços públicos de assistência social e direitos humanos devem apresentar:
- Comprovante de vínculo empregatício (crachá e holerite)
Profissionais da Educação devem apresentar:
- Documento de Identificação (preferencialmente CPF);
- Comprovante Vacina Já Educação com QR Code (para emitir seu comprovante, clique aqui).
- Comprovante de residência/ vínculo empregatício na cidade de São Paulo.
Gestantes, puérperas (até 45 dias pós-parto) e lactantes (até 2 anos): 
Seguindo os grupos prioritários que já estão contemplados. Devem apresentar autorização/recomendação médica: considerando risco benefício, com dados de identificação (idade gestacional, nome do médico, CRM).

PRAZO MÁXIMO
Não existe previsão para o término da primeira etapa. As informações de outras etapas e ampliação dos grupos vão ser atualizadas no site do Vacina Sampa.
O intervalo entre a primeira e segunda dose da vacina CORONAVAC é de 21 dias após a primeira dose; E da vacina Oxford é de 12 semanas.

TAXAS OU PREÇO PÚBLICO
Gratuito.

CANAIS PARA SOLICITAR 
Neste momento, a vacina está sendo disponibilizada nas salas de vacina das unidades básicas de saúde, nos postos drive-thru e centro-escola: os locais para vacinação estão disponíveis no portal do Vacina Sampa (link direciona para portal externo).

PRINCIPAIS ETAPAS
Pode ser feito o pré-cadastro no site do Estado (Pré-cadastro no site do Governo do Estado de São Paulo) - o pré-cadastro serve para facilitar o registro e o atendimento na sala de vacina. O não-cadastramento não será impeditivo das pessoas serem vacinadas. O cadastramento deverá ser feito pelas pessoas pertencentes aos grupos a serem vacinados.

LEGISLAÇÃO
Orientações técnicas do Programa Nacional de Imunização (PNI) (link direciona para portal externo);

Programa Estadual de Imunização (PEI) (link direciona para portal externo);

Plano de vacinação “Vacina Sampa” (link direciona para portal externo).

 

OBSERVAÇÕES

- O intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina CORONAVAC é de 28 dias e da vacina Oxford é de 12 semanas.

- #Vacina Já : É o Pré-cadastro no site do Governo do Estado de São Paulo - o pré-cadastro serve para facilitar o registro e o atendimento na sala de vacina. O não-cadastramento não será impeditivo das pessoas serem vacinadas. O cadastramento deverá ser feito pelas pessoas pertencentes aos grupos a serem vacinados.

- Perguntas e Respostas sobre o Coronavírus (link direciona para portal externo).

 

ÓRGÃO RESPONSÁVEL
Secretaria Municipal da Saúde - SMS

 

MANIFESTAÇÃO SOBRE O SERVIÇO

É possível registrar reclamação, denúncia, elogio ou sugestão sobre este serviço na Ouvidoria SUS. (link direciona para portal externo).

Criado em: 27/01/2021

Atualizado em: 04/05/2021

Esta informação foi útil para você?

33 30