Brasão da cidade de São Paulo a esquerda e com os dizeres Cidade de São Paulo a direita
A palavra SP156 em um quadrado de fundo amarelo a direita e Portal de Atendimento prefeitura de São Paulo a esquerda A palavra SP156 em um quadrado de fundo amarelo a direita e Portal de Atendimento prefeitura de São Paulo a esquerda
Portal de Atendimento
Prefeitura de São Paulo

Informações sobre Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS

1. O que é o serviço?

O CREAS oferece serviços especializados e continuados a famílias e indivíduos nas diversas situações de violação de direitos ou risco à vida, situação de violência física e/ou em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto.

Como unidade de referência, tem o intuito de estruturar uma rede efetiva de proteção especial, e para isso conta com o apoio do Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública, Conselhos Tutelares e outras Organizações de Defesa de Direitos.

2. Quando solicitar?

Famílias e indivíduos que vivenciam violação de direitos, dentre eles a violência física, psicológica, sexual, situação de rua, cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto etc.

3. Canais de atendimento para solicitar o serviço

- Por identificação e encaminhamento do Cento de Referência em Assistência Social - CRAS (consulte endereços aqui); 
- Dos serviços de proteção e vigilância social,
- Por encaminhamento de outros serviços socioassistenciais, das demais políticas públicas do setor,
- Dos demais órgãos do Sistema de Garantia de Direitos;
- Por demanda espontânea (por vontade própria).

Consulte aqui os endereços dos Centros de Referência Especializados de Assistência Social - CREAS. 
Funcionamento: De segunda à sexta-feira, das 8 às 18h.

4. Requisitos, Documentos e Informações para solicitar o serviço

O atendimento no CREAS é imediato e não depende de documentação específica. Dependendo de cada caso, o CREAS informará os documentos requeridos para o encaminhamento e apoiará a emissão destes documentos caso necessário.

5. Legislação/Norma que regula o serviço

Portaria 46/SMADS/2010

6. Taxas cobradas ou indicativo de gratuidade

Gratuito

7. Prazo para a Prestação do Serviço

Não há um prazo máximo para prestação do serviço, pois o atendimento e acompanhamento é feito enquanto persistir a situação de vulnerabilidade.

8. Principais etapas do Serviço – Passo a Passo

1 - Atendimento presencial nos CREAS;

2 - O encaminhamento para outros serviços depende das necessidades de cada família ou indivíduo.

Criado em: 06/03/2018

Atualizado em: 27/06/2021

Esta informação foi útil para você?

3 6